O que esperar de 2021 para o e-commerce brasileiro

22 de dezembro de 2020

0
E-commerce

O ano de 2020 foi uma caixinha de surpresas, não é? Nem nas mais loucas previsões do ano passado imaginaríamos o que estava por vir em 2020: pandemia mundial, colapso na saúde, desemprego, aumento de preços, comércio varejista e todo o mundo em lockdown, sem falar nas perdas de inúmeras vidas repentinamente pela Covid-19. 

Mas, se tem uma coisa que deu um salto gigante neste ano foi o e-commerce. Como já falamos aqui, o ano de 2020 foi derradeiro para o e-commerce brasileiro. Muita gente fez compras online pela primeira vez e mais ainda, muita gente adquiriu o hábito de comprar pela internet durante a pandemia do Coronavírus. 

Fato que se consolidou durante a Black Friday desde ano de 2020. Segundo pesquisas, as vendas realizadas entre a Black Friday e a segunda-feira que sucede à data tiveram um faturamento de 7,72 bilhões de reais. Um aumento significativo de mais de 27% em relação ao mesmo período de 2019. Durante a Black Friday desse ano, o valor do ticket médio também foi maior (quando comparado ao ano anterior) subindo 4,7%, atingindo a média de R$ 592,85 por compra.

Segundo pesquisa divulgada pela Intelipost, no ano de 2020, o volume de compras online aumentou 109% na comparação com o ano de 2019. Número que deixa claro a mudança no comportamento do consumidor. Mas você deve estar se perguntando: e para o ano que vem? Será que a economia vai melhorar e o e-commerce vai se consolidar?

Infelizmente a pandemia ainda é uma realidade mundial e enquanto em muitos lugares do mundo as pessoas já começaram a tomar a vacina, aqui no Brasil muita gente ainda discute se deve tomar ou não. É importante considerar que a vacina vem aí e só depois da imunização em massa a roda da economia começará a girar. 

Com a economia um pouco mais forte, podemos sim, ter expectativas boas para o e-commerce no ano de 2021. Especialistas preveem um ano de bons resultados, já que como mencionado anteriormente muitas pessoas adquiriram o hábito de comprar online em 2020. 

E para você lojista que precisa de mais incentivos para soltar o pé da embreagem e acelerar seu e-commerce, confira as principais tendências para o mercado do e-commerce 2021 e comece a preparar sua loja.

Utilização do Pix nas transações online

O sistema de pagamento instantâneo no Brasil está indo de vento em popa, pelo menos é o que dizem os números. Segundo dados do Banco Central do Brasil entre os dias 15 de novembro de 2020 e 15 de dezembro do mesmo ano, cerca de 80 bilhões de reais foram movimentados com o Pix. Isso mostra que pagamentos via boleto, que demoram dias para compensar vão simplesmente desaparecer ao longo do tempo, principalmente no meio online. 

Invista em Mídias Pagas 

Muitos logistas que iniciaram no e-commerce em 2020 ainda não  conhecem todas as vantagens obtidas com o investimento em mídias pagas. Investir tanto em Facebooks Ads quanto em Google Ads, além de gerar mais tráfego para sua loja online, faz com que a sua loja online alcance resultados de venda mais rápido. Porém, é preciso traçar uma estratégia de investimento para investir na mídia certa e obter o retorno sob o investimento.

Foco na experiência personalizada de cada cliente e na customização

Já falamos aqui que cada vez mais as pessoas estão interessadas em ter uma experiência completa com uma loja. Focar na experiência de compra e oferecer um atendimento personalizado desde o primeiro contato com o cliente faz toda a diferença. Outro fator que chama a atenção no e-commerce é a personalização. Investir em personalização é um diferencial, porém é preciso ter uma base estruturada pode se tornar um grande desafio operacional.

Boas práticas de SEO

As técnicas de SEO bem estruturadas dentro de um e-commerce podem garantir uma boa posição orgânica nos buscadores e mais autoridade para sua marca ou produto na internet. Utilizando as técnicas de SEO além de garantir mais tráfego orgânico para seu site e melhorar o desempenho, automaticamente você estará melhorando a experiência de navegação do cliente, dando a ele as respostas necessárias para finalizar a compra e reduzindo o tempo de carregamento da página. 

Viu só? Aproveite para transformar essas tendências em possibilidades para você levar mais tráfego e atender ainda melhor o cliente da sua loja online. Aproveite hoje mesmo para estudar mais e se aprimorar para se manter competitivo no novo ano que está por vir. 


Leia Mais

Juliana Pineda

Escrito por:

Juliana Pineda

Analista de SEO e Redatora na agência Admake. Graduada em Publicidade e Propaganda e em Jornalismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

E-commerce

Vídeo: ADMAKE ENSINA #01 – 10 Principais Métricas de Análise para E-commerce

Você conhece as principais Métricas para Análise de E-commerce Se você quer conhecer os dados reais de sua loja e aumentar seu faturamento, não perca tempo e... mais

Marketing Digital

O que é Mailing e como usar para vender mais?

Com certeza você já ouviu falar em mailing Mas você sabe o que é, como conquistar e como utilizar essa estratégia para vender mais Continue lendo este conteúdo... mais